V. H. Batista
Designer, carioca, grisalho, taurino, fã de Florence + the Machine, urso, budista. Tudo isso misturado em 1.90 m de nerdice.

Há cerca de duas semanas comecei a praticar com mais afinco pintura digital, em um primeiro momento optei por trabalhar em cima de sketches de artistas que admiro, iniciando com uma Hera Venenosa que postei alguns dias atrás.

Já desenhava e fazia pinturas com lápis e tinta guache, mas precisava praticar no Photoshop e hoje terminei essa X-23 do Bruce Timm.

Sei que ainda tenho que praticar mais para chegar no nível de pessoas como Stanley Lau, no entanto fiquei feliz em ver o modesto progresso que realizei nos últimos dias.